sábado, 17 de abril de 2010

O Tempo e o Vento

Assisti em DVD O Tempo e o Vento (1985) de Érico Veríssimo da TV Globo. Foi a primeira minissérie que minha mãe ganhou, foi aí que ela tomou gosto em ter esses produtos e tem adquirido regularmente algumas. Essa ela ganhou de presente da minha irmã. A obra foi adaptada por Regina Braga e Doc Comparato. É magestral, mas ainda não tinha a tecnologia e experiência de hoje. Há umas belas licenças poéticas, alguns momentos não costumeiros da televisão, música e imagens, mas ao mesmo tempo não tem a edição e ordem dos dias de hoje. Eu ainda não li essa obra de Érico Veríssimo, eu adoro esse autor, mas essa obra não li. Me animei tanto que comprei o primeiro, O Continente.
São três episódios, deveriam ser quatro, soube fazendo esse post que infeliz-mente cortaram um do DVD: Ana Terra, Capitão Rodrigo e o Sobrado. Eu gostei demais de Ana Terra, Glória Pires novinha de tudo faz a bela Ana Terra. Sempre me impressiono o quanto era difícil viver em um lugar descampado. Para piorar haviam os conflitos entre os espanhóis e portugueses (brasileiros). E o povo ficava a mercê de tanta violência, as mulheres eram as que mais sofriam. Depois segue para o Capitão Rodrigo com o belíssimo e jovem Tarcísio Meira, já com seus 50 anos, mas aparentando muito menos. A mulher que ele ama é interpretada pela bela e jovem Louise Cardoso. A terceira história, O Sobrado é a que menos agradou, tanto eu como a minha mãe. No DVD deram um salto muito grande da segunda para a terceira. Li agora que há mais uma parte que não tem nesse DVD, por isso o salto. Esse foi um dos primeiros DVDs lançados, acho que a TV Globo ainda achava que não teria saída um DVD muito extenso, porque fica mais caro, por sorte os que lançam atualmente têm saído na íntegra. Não sabia se o personagem do saudoso Armando Bógus era filho da Bibiana, fui descobrir ao longo da trama que era o neto, mas não sabia filho de quem. O terceiro veio meio atropelado, ficou só no sobrado cercado, não deu tempo de nos afeiçoarmos aos personagens.

O elenco todo é muito bom. No primeiro episódio aparece o Lima Duarte, o Camilo Bevilacqua e o Marcos Breda, novinho de tudo. No segundo há mais atores conhecidos como o Cláudio Mamberti. Outro que está muito jovem é o José de Abreu e o José Mayer. O padre do segundo é o maravilhoso Mário Lago, ele está magistral, ele faz um ranzinza padre, que ator generoso. Paulo José aparece no último episódio que traz ainda Bete Mendes, José Lewgoy, Lélia Abramo, Odilon Wagner, Ediney Giovenazzi, Renato Consorte e Bárbara Bruno.



From Mata Hari e 007
Beijos,

Pedrita

10 comentários:

  1. Eu li quase toda a obra de Érico Veríssimo, sendo "Olhai os Lírios do Campo" e "Clarisse" os meus preferidos. "O Tempo e o Vento" até o tenho traduzido em alemão.
    Conheci o Érico Veríssimo no dia em que fiz 15 anos numa livraria no Porto.

    ResponderExcluir
  2. Pedrita, eu lembro bem desta minissérie. Eu vi na época, gostei. Acho que reprisaram uma vez, não tenho certeza. Mas tenho cenas bem vivas na memória. Uma ótima minissérie.

    Mas é absurdo fazer um DVD e colocar a obra cortada. Não faz sentido. Por isso eu tenho medo de comprar os DVDs da Globo. Um box de DVD que saiu completo ( uma raridade!) é Os Normais. Todos os episódios. Eu tenho e adoro rever!

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Querida, eu li os livros... são maravilhosos!

    ResponderExcluir
  4. eles deveriam reprisar essas joias raras!

    ResponderExcluir
  5. Puxa, infelizmente não li os livros e nem vi a minissérie, mas confio que deve ser coisa de altíssima qualidade. Afinal, já vi Érico Veríssimo em livros de literatura...
    ...
    Passe lá no meu blog e deixe seu comentário!!!

    ResponderExcluir
  6. Cara Pedrita
    Embora não seja do nosso conhecimento esta mini-série é possível dizer que Doc Comparato é um dos mais brilhantes argumentistas para televisão, ele durante alguns anos andou por Portugal, sendo o seu contributo fundamental para as novelas portuguesas. Lemos o seu livro sobre a feitura de argumentos para televisão.
    Beijinhos
    Paula e Rui Lima

    ResponderExcluir
  7. ematejoca, que maravilha conhecer o incrível érico veríssimo. tb adoro suas obras.

    marion, acho q atualmente não cortam tanto, se é q cortam. se vc colocar na internet corte minissérie aparece comentários se foi ou não cortada. vi q anos dourados tb foi muito retaliada. hj eles repararam q não importam quantos dvds, qual o preço, vendem muito, esgotam fácil, então pouco tem mexido, se é q tem.

    la socière, que honra, estou com o primeiro aqui. ainda não comecei a ler.

    fatima, concordo. já pensei q poderiam ter um canal na tv a cabo onde reprisassem novelas e minisséries.

    juju, os livros de érico veríssimo são mágicos.

    paula e rui, não sabia que o doc comparato tinha vivido em portugal e interferido positivamente em suas novelas.

    ResponderExcluir
  8. Eu tenho aqui os dvds e gostei muito.

    Bjao

    ResponderExcluir
  9. E agora tá passando na Globo o filme novo... eu louca pra ver, fui derrubada pela gripe e acabei não assistindo. Li os livros na adolescência e quero reler até, são excelentes!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. nanda, essa adaptação da minissérie não está legal.

      Excluir

Bons comentários!